Frustrações da vida

A frustração não é uma opção, é uma emoção compulsória. Uma das formas de aprender a aceitar a frustração é levar em conta que as coisas não são sempre pessoais.
As pessoas tem suas próprias razões para fazer o que fazem, independentemente do que pensam ou sentem por você.
Diminuir o grau de exigência em relação ao próprio desempenho, é uma das principais medidas para não supervalorizar uma frustração. Nem sempre é possível acertar. Por isso, um erro, um esquecimento, que comprometa a performance desejada, não passam de inconvenientes.
Não há tragédia alguma em errar.

*As pessoas não dizem para você quem você é. Você é quem diz a elas.*

Nenhum comentário

Postar um comentário