No mundo dos sonhos

Sou de onde o vento me levar
Nos quatro cantos do mundo
Sempre vou estar

Talvez um dia eu possa parar
e em algum canto
me estabilizar

Mas gosto de voar
no mundo da lua sempre vou morar
minha mente não pode parar
tenho a imaginação além da realidade

Que vaga no mundo dos sonhos
Em busca da felicidade.

Sonhar é meu destino e minha razão
Fonte de minha realidade e de minha ilusão
sou feliz assim
quem poderá me julgar.

(Poema As Bruxas-Pensador)

"Yo no creo en las brujas pero que las hay, las hay." (Don Quijote de la Mancha - Miguel de Cervantes)

Nenhum comentário

Postar um comentário