Estrada do Colono

Antes de iniciar qualquer discussão precisamos esclarecer alguns pontos:

*Os ativistas que falam com tanto repúdio à população que pede a estrada aberta lutam por uma causa realmente importante, a preservação da vida presente no Parque Nacional do Iguaçu.
**Os moradores da região de fato teriam um real progresso com a abertura da estrada.
***Os moradores acreditam e lutam por uma estrada que preserve a vida no parque nacional, tanto que buscaram um projeto chamado "Estrada Parque" o qual prevê a preservação do meio ambiente, como pré requisito pra existência da estrada.

Ao contrário do que estão pregando os artistas e políticos que são contra a reabertura, os moradores da região não são monstros egoístas e capitalistas que só pensam no próprio bem estar. É assustador ouvir o que eles falam sobre o assunto na TV, alguns disseram que lutavam para que não fosse aberta a "Rodovia do Colono", um biólogo chegou a comentar com essas palavras que "é inaceitável uma gente que pense de forma tão pequena, pensando só em si mesma e não no bem estar dos animais".

A proibição da estrada já virou bandeira política, pra mostrar como eles se "importam" com a preservação do nosso futuro, qualquer mínima discussão inclui "não sou a favor da estrada" arrastando assim uma multidão que luta por uma causa sem conhecer o mínimo da história, das razões e das soluções de uma região que corre atrás disso há mais de vinte anos.
Sinceramente não é possível que alguém ainda acredite que depois de vinte anos pra conseguir alguma coisa, colocariam tudo a perder matando animais e destruindo as árvores da região. A Usina de Belo Monte que causa uma destruição sem tamanho, que tira dos indígenas o pouco que lhes restou, continua lá firme e forte. O foco político e midiático dos pseudo ambientalistas atualmente é a "terrível estrada que vai destruir o Parque do Iguaçu". Antes de difamarem a  região sudoeste como "desalmada" pelo menos leiam o estudo feito para que a estrada possa coexistir com os animais sem prejudicá-los.
Está sendo distribuída uma cartilha (sem entrar no mérito político) que explica o projeto Estrada Parque, e o que chama atenção é a sinalização da então futura estrada:
***Proibido buzinas
***Proibido jogar lixo
***Proibido caminhões
***Proibido desmatamento
***Proibido ultrapassagem
***Velocidade controlada
E ainda uma placa bem grande com os dizeres: "ÁREA DE PROTEÇÃO AMBIENTAL".

Sinceramente só pedimos que antes de atirarem pedras nos ideais de um povo, procurem saber porque esse mesmo povo pensa dessa forma, procurem saber a história, as motivações... Existem casos sim, de gente que quer o progresso a qualquer custo, sem medir as consequências da destruição, mas acreditem esse caso não é um deles.

Nenhum comentário

Postar um comentário