A grama do vizinho

O que mais se vê é gente reclamando que os outros prestam muita atenção na sua vida. O interessante disso é que quem reclama geralmente faz a mesma coisa com a vida alheia.
Seria tão mais simples respeitar e aceitar as decisões, preferências e escolhas das pessoas sem precisar ficar comentando o quanto ela pode estar errada, que você teria feito de outra forma, que seus gostos são diferentes ou que você é socialmente mais aceitável.
Tão mais simples seria se o foco estivesse nas soluções dos nossos próprios problemas, dúvidas e crescimento pessoal. É inacreditável que em uma sociedade teoricamente civilizada, tanta gente fique incomodada com a vida sexual dos outros, seja da fulana que usa roupas definindo o corpo ou um abraço gay na propaganda do Boticário.
Por quê os incomoda tanto que alguém possa ser feliz sendo diferente deles??
Em tempo: A propaganda é linda, sutil e romântica.
(Maria Aline)

Nenhum comentário

Postar um comentário