Vinyl

A libertária filosofia de vida do rock and roll na década de 1970 é o tema principal da nova série original da HBO, a aguardada Vinyl, que estreia no Brasil em 14 de fevereiro, à meia-noite de domingo para segunda.
Vinyl se passa na Nova York da década de 1970. Na trama, o dono de uma gravadora, Richie Finestra, está em busca da nova tendência musical da década. Tudo começa em 1973 e a primeira temporada se desenrola ao longo desse ano cheio de *acontecimentos marcantes para a história da música. 
Em meio ao cenário de muitas mudanças, Finestra começa a perder as esperanças na indústria musical depois que a sua American Century Records deixa de ser líder de mercado e está ameaçada de ser vendida a um grupo alemão. Vinyl mostra a saga do protagonista que tenta ao mesmo tempo salvar a gravadora que construiu, cuidar da família e, ainda, lidar com o vício em drogas. O primeiro episódio, com duas horas de duração, foi escrito por Winter e tem direção de Scorsese.
O time de atores ainda conta com Olivia Wilde, June Temple, Ray Romano e James Jagger, filho de Mick e que recentemente atuou também na série Sex&Drugs&Rock&Roll.
**Foi em 1973 que nasceram o AC/DC, Kiss, Quiet Riot, Journey, Kansas e a alternativa Television; o clube CBGB abriu na Big Apple e mudou para sempre a cena local e mundial, servindo de berço para o punk; foram lançados os Álbum Vermelho e Álbum Azul, dos Beatles; David Bowie chocou o mundo ao aposentar, ao vivo, o personagem Ziggy Stardust em um show em Londres. Ainda naquele ano, Bowie e os Rolling Stones uniram esforços para continuar ajudando as vítimas de um grande terremoto que devastou a Nicarágua no ano anterior. E como se o choque com Bowie já não tivesse sido o suficiente para os fãs de rock, Ray Davies entristeceu a plateia de uma apresentação do The Kinks ao anunciar que estava deixando o grupo (depois ele voltou atrás). Foi também naquele fatídico ano que saíram os álbuns Aerosmith, Queen, The Dark Side of the Moon do Pink Floyd, Elvis, de Elvis Presley, e Let’s Get it On, que mudou os rumos da carreira de Marvin Gaye.

Fonte: RollingStone

Nenhum comentário

Postar um comentário