Giordano e Bruno

Alguém lembra de ter estudado o filósofo Giordano Bruno na escola? Eu não lembro. Ele estudava cosmologia, física, magia e a arte da memória. Acreditava na infinitude do universo como algo que está em contínua transformação, algo vivo, que Deus estaria presente em tudo como poder infinito de sabedoria e amor, grande demais para caber nas doutrinas ou dogmas religiosos, qualquer que fosse. Como grandes pensadores a frente de seu tempo, Giordano também foi preso pela inquisição por 7 anos e como não abriu mão de suas teorias foi queimado no ano de 1.600. Suas teorias foram redescobertas entre os séculos 18 e 19, sendo ele grande influenciador de Goethe.
Mas acredito que ele nunca tenha sido tão pesquisado quanto essa semana, um rapaz chamado Bruno Borges, de 24 anos, estudante de psicologia que vive no Acre, simplesmente desapareceu deixando para trás um quarto bem interessante, com uma estátua de Giodano Bruno, 14 manuscristos criptografados e as paredes (adorei as paredes) brancas com trechos dos livros escritos em uma sicronia incrível! Dizem que ele fez tudo sozinho, dizem que ele é um gênio, dizem que fugiu do país com passaporte falso, que tudo isso é pra divulgar os livros, dizem que ele pode ter esquizofrênia, que estava envolvido com sociedades secretas... Dizem, dizem, como sempre dizem...
Mas alguém já parou para pensar sobre o quanto isso tudo é interessante de verdade? Um homem de 24 anos, decidiu dar continuidade a teoria de um filósofo que viveu há mais de 400 anos, escreveu muito sobre ela (14 livros é muito), e acredita que aquilo vai fazer bem a humanidade. Isso já vale a notícia. Esperança! De quantos filósofos com novas teorias sobre o bem comum tivemos notícias nos últimos anos? Nossas notícias são em sua maioria tristes, violência, corrupção, guerras... Que dirá nós brasileiros que há muito tempo lutamos com nossa política "estragada" e estamos cada vez mais desesperançosos de dias melhores.
Eu não sei o que diz os livros do Bruno. Não sei se ele fugiu ou se é um gênio do marketing. Não sei se foi levado por extraterrestres. Eu não sei no que vai dar essa história toda. Mas já estou orgulhosa de alguém tão jovem buscar teorias para o bem comum. Não vejo nada de errado em uma teoria grandiosa sair daqui, do Brasil em uma época tão difícil. Torcendo pra ser tudo verdade. Torcendo pela esperança. (Que venham os livros)

Nenhum comentário

Postar um comentário