Os becos escuros da vida

Uma colega veio até mim com uma conversa dizendo que acreditava estar com um "encosto", não entendo nada sobre isso, sinceramente meus conhecimentos nessa área são quase nulos, mas perguntei a ela porque ela pensava assim, me respondeu que tudo estava errado em sua vida, nada dava certo, seus planos sempre falhavam, a autoestima no chão, sentia como se não encaixasse no mundo e os outros lhe excluíam de alguma forma.
Chamei ela pra sentar e disse: vamos conversar!
Minha cara, não acredito que se trate de alguma entidade entediada com o pós vida, que de uma hora pra outra decidiu arruinar a sua vida. Já parou pra pensar o que tem feito com os seus dias? Ainda faz o que gosta de vez em quando? Tentou conversar sinceramente com as pessoas que você gosta, lembrando de dizer o quanto se importa com elas e como se sente agora? Quando alguma coisa dá errado, você tenta mais uma vez, mas buscando ver onde está a falha? Já parou com as expectativas e se focou no seu presente? Vamos ver o que é possível resolver agora, se for preciso anote em algum lugar para que as coisas lhe pareçam mais claras. Se realmente acredita que estão te excluindo, siga em frente! Claro que precisamos tentar ver onde estamos errando, mas também é preciso pensar em si mesmo, ter amor próprio e ficar próxima aos que se importam conosco! Ouça uma música que te deixa feliz, vá a lugares que se sente bem, vamos tentar outro ponto de vista ok? Você pode se sentir melhor e apenas você pode conseguir isso pra si mesma. As melhores vibrações pra você, minha querida!

Nenhum comentário

Postar um comentário